quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Litercultura!



O site do evento já explica: "O que é Litercultura? Um festival de literatura com ênfase na leitura. Isso quer dizer que não se limita a ser uma festa ou uma feira". Entre os dias 20 e 23 de novembro, a Sede Concórdia do Clube Curitibano (Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 815, São Francisco - Curitiba) recebe o quarto e último capítulo do ano, com extensa programação e participação de escritores, atores, músicos, tradutores, jornalistas e pessoas interessadas no ato de ler. 

Entre os bate-papos programados, no sábado (22) às 16h, o escritor curitibano Cezar Tridapalli participa de uma conversa ao lado de Luiz Felipe Leprevost, sobre o humor na Literatura, com mediação poeta Marcelo Sandmann.

Tridapalli assume que nunca pensa no humor antes de escrever. “Algumas cenas cômicas, muitas vezes acentuando alguma crueldade, vão aparecendo e não penso duas vezes em colocá-las no texto. Depois, nas revisões, aí penso não só duas, mas muitas vezes. Se ainda acho alguma graça e vejo que contribui para um efeito meio insólito, meio inesperado, o trecho fica. Se vejo que não tem a mínima graça, fico um pouco envergonhado com a infâmia da piada e a arranco fora”.

Em seus livros Pequena Biografia de Desejos e O Beijo de Schiller, o autor também utiliza o humor. “Mas eu acredito que é um humor meio tristonho, porque faz graça com algumas situações patéticas da vida e com outras que são impossíveis de contornar. É um humor que muitas vezes acentua a tristeza da nossa condição. Não é sempre assim, mas acho que muitas passagens têm essas características”.

A programação completa do evento pode ser acompanhada pelo site do Litercultura. Os ingressos são gratuitos, mas devem ser retirados no Memorial de Curitiba (R. Dr. Claudino dos Santos, 79 – São Francisco / Largo da Ordem).