terça-feira, 6 de maio de 2014

Espaço da Liberdade - Inspiração de tempos

Cena do filme "Orgulho e Preconceito"


Ela me diz que não quer namorar, pois no seu coração não consegue mandar. Acha que não é boa, pois já foi traída, mas seus lábios dizem que quer viver a vida. Então vem viver a vida fazendo morada no meu coração, diz que sim que eu te prometo te dar a melhor emoção, fazer seu corpo sentir a melhor sensação e dar asas a sua imaginação. Ela tem um corpo que me tira do sério, em seu olhar traz o maior mistério. 

Mas entre uma palavra que ela diz e uma passo que ela dá, tenho vontade de pegar na sua mão e começar a dançar. Te tiro pra dançar porque isso é libertador, depois da dança te beijo pois isso é amor. E você me diz que quer ser racional, logo eu que me liberto pelo emocional. Então racionalize comigo, eu quero ser mais que um amigo, para fazer do seu colo o meu abrigo. Pois no teu colo eu me perco, entre os nossos beijos eu te sinto por inteira, agora imagine só o quanto essa relação pode ser verdadeira. 

Te ligo de madrugada só para te acordar e deixar você zangada, para depois quando eu te ver poder te dar a melhor pegada. Eu assim meio safado, te pego no colo e mostro como é estar apaixonado. Você assim toda certinha me mostra como vai ser da nossas saidinhas. Então deixa de ser assim, vem ser essa linda garota do meu ladin.




Por 
Gustavo Toledo